Otto per mille Waldensian, a campanha de comunicação de 2 de maio

Otto per mille Waldensian, a campanha de comunicação de 2 de maio

Roma (NEV), 22 de abril de 2022 Pessoas, as “pessoas comuns”, no centro da campanha de comunicação de 2022 do Otto per mille Waldensian, que começará na segunda-feira, 2 de maio, na TV, no rádio, nos cartazes de muitas cidades italianas e na web.

“No último ano – declara Manuela Vinay, chefe do escritório Otto per mille – prestamos mais atenção aos comentários recebidos 22nas mídias sociais e percebemos que as pessoas, os contribuintes italianos, tinham muito a dizer sobre nós. Então resolvemos dar a palavra a eles e foi lindo principalmente porque são pessoas comuns, não atores. Nunca deixa de me surpreender que as pessoas pensem tanto de nós. É lindo também porque somos todos iguais mas diferentes e diferentes e é no campo dos direitos, da inclusão, da defesa dos mais fracos, na luta contra a discriminação, nos valores universais que nos encontramos lado a lado”.

Aqui estão algumas fotos dos bastidores durante as filmagens:

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

Síria.  Oração pela paz

Síria. Oração pela paz

Roma (NEV), 16 de outubro de 2019 - "Bem-aventurados os que trabalham pela paz, porque serão chamados filhos de Deus!" (Mt 5.9). Com este versículo as igrejas evangélicas de Roma convocam uma vigília de oração pela situação síria: “os ventos da nova guerra na Síria, as muitas guerras escondidas e esquecidas estão questionando as irmãs e irmãos das igrejas evangélicas de Roma”. A angústia pelo que está acontecendo e o ressurgimento da violência levaram as igrejas a convocar um momento de oração comum pela paz: “Vivemos um momento de grande preocupação. As ações militares não atingem apenas os mais fracos, não apenas destroem cidades e povos, mas alimentam a semente da violência e da força em toda a humanidade, criando desequilíbrios que se propagam no futuro com novas formas de pobreza, migrações… Deus da paz para nos dar a paz". O compromisso é para a próxima sexta-feira, 18 de outubro, a partir das 19h30, na igreja valdense da Piazza Cavour. "Vigiai porque ouviremos juntos a Palavra como crentes no mesmo Senhor da paz, oração para que a paz nos seja dada". ...

Ler artigo
Metodista Gillian Kingston sobre sinodalidade, Brexit, Irlanda

Metodista Gillian Kingston sobre sinodalidade, Brexit, Irlanda

Gillian Kingston com Marta Bernardini, Daniele Garrone e Luca Baratto Roma (NEV), 21 de janeiro de 2022 – “Sirva o presente” é o título da conferência que Gillian Kingstonvice-presidente da Conselho Metodista Mundial (WMC), realizada em Roma na última quinta-feira, 21 de janeiro, no Pro Union Center. Gillian Kingston Antes da conferência, Kingston, membro da Igreja Metodista na Irlanda, visitou os escritórios da Federação das Igrejas Protestantes na Itália (FCEI), onde foi recebida pelo pastor Daniele Garronepresidente da FCEI, de marta bernardinicoordenadora do Mediterranean Hope – FCEI Refugee and Migrant Programme, da Bárbara batalhaeditor do NEV/Notícias Evangélicas e pastor Luca Baratto, Secretário Executivo da FCEI. Em conversa com representantes da Federação Evangélica de Kingston, ele falou sobre a sinodalidade e a Irlanda. “Durante esta Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos – explicou Kingston -, fui convidado pelo centro Pro Unione para falar sobre a sinodalidade. É um assunto ao qual a Igreja Católica Romana está dedicando muita atenção, convidando também expoentes de outras igrejas cristãs para apresentar sua experiência e seu ponto de vista sobre o assunto”, explicou Kingston. “Naturalmente – continuou o vice-presidente mundial dos metodistas – meu ponto de vista parte do conceito de sacerdócio universal e do ministério de todo o povo de Deus, ou seja, de todos os batizados. Isso já indica que nas igrejas metodistas os ministros ordenados e os leigos têm papéis diferentes, mas gozam do mesmo status dentro da igreja". “Esta igualdade surge também da experiência do primeiro movimento metodista que se estruturou na chamada sociedade instalações, visitadas periodicamente por João Wesley, o fundador do movimento, mas dirigido por leigos. A liderança leiga é, portanto, um elemento fundador do Metodismo. O principal órgão de tomada de decisão da igreja, a Conferência Metodista, é uma assembléia de ministros meio ordenados e meio leigos. Em conversa com o presidente da FCEI, Kingston também mencionou sua terra natal, a Irlanda. “Sou uma irlandesa que pertence à Europa”, disse Kingston, que mora na República da Irlanda, referindo-se ao Brexit e à enorme questão de fronteira que isso acarreta. “Ninguém quer o ressurgimento de fronteiras rígidas entre a República e a Irlanda do Norte. E, por outro lado, os partidos unionistas não querem uma fronteira no Mar da Irlanda”. “É preciso saber olhar a história passada na perspectiva de reconciliar memórias – continuou Kingston -. Nisso Década do Centenário (2012-2023), que comemora aniversários ainda divisivos na Irlanda, incluindo o tratado anglo-irlandês que definiu a divisão da Irlanda em duas partes, a guerra civil de 1921-23 e o início dos problemas em 1968, as narrativas históricas divergem acentuadamente : alguns pretendiam celebrar certos eventos, outros para comemorá-los. Chegar a uma narrativa comum de nossa história é uma meta que ainda está diante de nós." ...

Ler artigo
Comunidade e idoso: que perspectivas?

Comunidade e idoso: que perspectivas?

Roma (NEV), 17 de maio de 2023 - Amanhã a conferência nacional promovida pela Comissão Sinodal para a Diaconia (CSD-Waldensian Diaconia) intitulada "Comunidade e idoso: que perspectivas? Encontros, debates e vivências sobre envelhecimento, demência e Parkinson”. Dois dias de estudo e experiência entre Pinerolo (Hotel Barrage e Castello di Miradolo) na quinta-feira 18 de maio e sexta-feira 19 de maio de 2023. É um evento formativo credenciado pela Região Piemonte ECM e confere 20 créditos formativos, em colaboração com as realidades que fazem parte da Pinerolese Dementia Network - Asl TO3, Ciss Pinerolo, Unione Montana Valli Chisone e Germanasca e Ama (Mutuo Aid Association) . O congresso abre na quinta-feira, 18 de maio, às 9h, com uma primeira parte de saudações institucionais de Francisco Sciottopresidente da CSD – Diaconia Valdese; Alessandra Trottamoderador do Tavola Valdese; Louis IcardiConselheiro de Saúde da Região Piemonte. Seguem-se dois dias de trabalho com intervenções cruzadas que vão destacar experiências, testemunhos e boas práticas, com o envolvimento, entre outras coisas, das estruturas da Diaconia Valdese Valli (DVV). Do Refúgio Re Carlo Alberto em Luserna San Giovanni no Núcleo de Decaimento Cognitivo Janavel com uma abordagem diferente da demência e foco no Projeto da Comunidade Amiga das Pessoas com Demência. Depois, os chefes do asilo dos velhos de San Germano Chisone, da Casa Valdese delle Diaconesse, da Casa di Riposo Il Gignoro de Florença (Diaconia Valdese Fiorentina) e outros. Falamos sobre território, comunidade, pessoas, gestão da fragilidade na RSA, como reduzir internações hospitalares, experiências inovadoras na Itália e no exterior e muito mais. "Os idosos são um componente importante e devem encontrar o seu espaço", disse Gianluca Barbanottisecretário executivo da diaconia valdense. Mais informações: ouça a entrevista na Rádio Beckwith (RBE) a Daniel Massamembro do CSD – Diaconia Valdense, que propõe uma palestra sobre o tema “Pacto pela não autossuficiência“. Na Itália, a lei de habilitação sobre o tema foi aprovada recentemente, ficando para trás em comparação com outros países europeus. Massa explica na entrevista “Trata-se de reorganizar este setor de intervenção, que afeta diretamente cerca de 4 milhões de pessoas, mas se somarmos também famílias e operadores, chegamos a cerca de 10 milhões de pessoas. A lei aprovada não é insignificante, é uma oportunidade para o nosso país que não podemos perder. Acreditamos que os idosos precisam de ter respostas em todos os percursos e necessidades que têm nas suas vidas, desde os cuidados domiciliários aos acolhimentos residenciais. As pessoas têm o direito de escolher o que querem fazer da vida a qualquer momento. A outra necessidade é quebrar as desigualdades: os serviços não podem ser destinados apenas às pessoas que têm recursos, mas devem ser acessíveis a todos”. Programa sintético dos dois dias (para ver o programa completo clique aqui) QUINTA-FEIRA, 18 DE MAIO – 8h30 | 17h · Políticas sócio-saúde, RSA e território · Estruturas Residenciais para Idosos contam experiências e projetos específicos SEXTA-FEIRA 19 DE MAIO – 8h30 | 17h30 · Demência e tecnologia: projetos inovadores · Oficinas temáticas · Mesas Redondas O evento é organizado com o apoio 'não condicional' de Generali Arredamenti e Storello Ausili. Parceiro de mídia, Rádio Beckwith Evangelica (RBE). ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.