tema inconveniente e direito coletivo

tema inconveniente e direito coletivo

Roma (NEV), 15 de fevereiro de 2023 – Dois dias antes do Dia da Liberdade (17 de fevereiro), a Rádio Beckwith publica a entrevista de Alessio Lerda para Ilaria Valenzi. Jurista, membro da Comissão de Estudos do Diálogo da Integração (COSDI) da Federação das Igrejas Protestantes da Itália (FCEI) e consultor jurídico, Valenzi editou o livro publicado por Claudiana Direitos, inclusão, integração – Caminhos da cidadania. O volume reúne uma série de textos analíticos sobre a complexa questão da cidadania na Itália, com o objetivo de focar em um olhar aprofundado e oportuno sobre os fatos e a legislação sobre o assunto.

Ouça a entrevista em Rádio Beckwith

O livro foi lançado por ocasião da “Semana da Liberdade” que é comemorada por volta do aniversário de 17 de fevereiro de 1848, quando Carlo Alberto concedeu direitos civis e políticos aos valdenses e logo depois aos judeus. O tema indicado para 2023 é “Liberdade, Cidadania, Responsabilidade”.

Na entrevista, a curadora Ilaria Valenzi explica que o volume nasceu dentro da experiência da FCEI do COSDI com o objetivo de refletir sobre um tema central que diz respeito à sociedade, mas também como ser igreja no contexto social, político e jurídico.

O tema da cidadania, segundo Valenzi, é um tema central, “um tema histórico para as igrejas protestantes e presente no debate político italiano”. O livro pretende ser uma ferramenta de formação para aprofundar este tema tão discutido, sobre o qual ainda não existe um “resultado pleno e partilhado”.

É uma “reflexão a muitas vozes”, diz Valenzi, que se abre para diferentes especificidades. Como escreve o presidente da FCEI no prefácio, o pastor Daniele Garrone, o objetivo é preencher um vazio, responder a uma necessidade e ter o tempo certo para refletir. Em suma, é preciso estudar. Trata-se, portanto, de um volume técnico, em parte também informativo, com importantes contribuições da ciência política, sociológica e jurídica. O livro também fala sobre a cidadania no Novo Testamento, o papel das escolas, as novas gerações e muito mais.

A entrevista também fala sobre questões críticas e obstáculos em relação à cidadania. O fio condutor, conclui Valenzi, é “um retorno constante ao populismo, a um nacionalismo cada vez mais enraizado também na visão política da Europa. O reconhecimento da cidadania das novas gerações e suas conquistas é um direito delas e nosso, é um direito coletivo e como tal deve ser protegido. A dificuldade em chegar a uma nova lei de cidadania é marcada fortemente pelo desinteresse e pelo fato de ser um tema incômodo”.

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

75 anos do Ente Spettacolo.  Há também a Associação de Cinema Protestante

75 anos do Ente Spettacolo. Há também a Associação de Cinema Protestante

Foto Noom Peerapong -Unsplash Roma (NEV), 20 de fevereiro de 2023 – A Associação de Cinema Protestante "Roberto Sbaffi", representada por seu vice-presidente, pároco Luca Barattoparticipou esta manhã da audiência papal pelo 75º aniversário da Fondazione Ente dello Spettacolo. Cerca de 160 pessoas presentes. Além de representantes da Fundação, expoentes religiosos, instituições e do mundo do cinema, incluindo Giuseppe Tornatore, Liliana Cavani, Antonio Albanese, James Poretti (do trio Aldo, Giovanni e Giacomo), Gianni Riotta. A audiência foi aberta com a saudação do presidente da Fundação, dom David Milani, seguido por uma intervenção do Papa Francisco. “Gosto da obra que você faz, da obra de cinema, da obra de arte, da obra de beleza como grande expressão de Deus, que sempre foi deixada de lado, ou pelo menos no canto. Os livros de teologia falam muito sobre verum, de verdade; eles falam sobre o bônus; de beleza, de beleza, nem tanto […] Aquela beleza que nos salvará, como alguém disse; aquela beleza que é harmonia, obra do Espírito Santo […] tudo é diferente, tudo parece contraditório, mas a harmonia é superior a tudo. E seu trabalho segue o caminho da harmonia”, disse Francisco em seu discurso. Para saber mais e ver algumas fotos clique aqui. Fundada pela Conferência Episcopal Italiana em 1947, a Fondazione Ente dello Spettacolou divulga e promove a cultura cinematográfica na Itália. “A história em palavras e imagens tem cada vez mais peso na comunicação e nas relações da sociedade contemporânea e a Fundação propõe-se como um espaço de reflexão e mediação dos seus significados”, lê-se no site da Fundação. Entre suas atividades: crítica, treinamento, planejamento, comunicação, organização de eventos, workshops, exposições e festivais. Há vários anos, a Associação de Cinema Protestante "Roberto Sbaffi" colabora com a Fundação no âmbito do Tertio Millennio Film Fest (TMFF), um festival de cinema de diálogo inter-religioso que envolve as comunidades católica, protestante, judaica, islâmica, hindu e budista . De fato, o TMFF conta com o patrocínio de três Dicastérios da Santa Sé e de várias entidades e organizações, entre as quais o próprio "Roberto Sbaffi". Associação de cinema protestante "Roberto Sbaffi" Fundada em 2003, a Associação de Cinema Protestante "Roberto Sbaffi" é constituída por cinéfilos, nomeadamente de várias denominações evangélicas. Ele é membro de INTERFILM, organização fundada em 1955, que reúne delegados de associações de cinema protestantes da Europa, mas também ortodoxos, anglicanos e judeus. Em colaboração com seu parceiro católico SIGNIS, a INTERFILM organiza júris ecumênicos nos festivais de cinema mais importantes, como Cannes, Montreal, Moscou, Leipzig, Berlim, Locarno. Em Veneza, os júris da SIGNIS e da INTERFILM são separados. ...

Ler artigo
Uma amizade islâmica-cristã.  Primeiros passos institucionais em Florença

Uma amizade islâmica-cristã. Primeiros passos institucionais em Florença

Roma (NEV), 28 de janeiro de 2020 – O encontro “Fraternidade humana pela paz mundial e a coexistência comum será realizado na quinta-feira, 30 de janeiro, em Florença. Seguindo os passos de Abu Dhabi no sinal de amizade entre cristãos e muçulmanos”. Com este encontro, os promotores pretendem “destacar a partilha do Documento de Abu Dhabi entre componentes cristãs e islâmicas, com o desejo de dar vida a um caminho para uma relação mais estruturada entre as duas realidades religiosas, para uma Amizade Islâmica-Cristã em Florença”, lê-se no cartaz da iniciativa. Igrejas protestantes locais também foram convidadas, para as quais ele participará Letizia Tomassonepastor da igreja valdense em Florença. O Documento de Abu Dhabi foi assinado em conjunto pelo papa Francisco e pelo Grande Imam Aḥmad Muhammad Aḥmad al-Ṭayyib de Al-Azhar sob o conferência global da fraternidade humana, conferência internacional inter-religiosa em Abu-Dhabi, Emirados Árabes Unidos, em fevereiro de 2019. Organizada pelo Conselho Muçulmano de Anciãos como parte do Ano Internacional da Moderação, contou com a presença de líderes religiosos de todo o mundo, incluindo o secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas (CE) Olav Fykse Tveit. O Documento também foi examinado em detalhe em maio de 2019 durante o Conferência "Promovendo a Paz Juntos", durante a qual foi lançado oficialmente o Documento "Educação para a Paz em um Mundo Multirreligioso: Uma Perspectiva Cristã", elaborado conjuntamente pelo Pontifício Conselho para o Diálogo Inter-religioso e pelo Conselho Mundial de Igrejas (CEC). O encontro marcado para esta iniciativa piloto de “amizade islâmica-cristã” é quinta-feira, 30 de janeiro, às 17h45, na Sala Teatina, na Via De' Pescioni 3, em Florença. Descarregue aqui o PROGRAMA: convite 30 de janeiro de 2020 O encontro foi promovido pela Fundação e Centro Internacional Giorgio La Pira, juntamente com a comunidade islâmica de Florença e Toscana e o Instituto Universitário Sophia, em colaboração com diversas realidades religiosas e seculares da região. ...

Ler artigo
Alegre-se na esperança.  Assembléia do movimento cristão estudantil

Alegre-se na esperança. Assembléia do movimento cristão estudantil

Um detalhe do cartaz da 37ª Assembleia Geral da World Student Christian Federation (WSCF), 2022 Roma (NEV), 23 de junho de 2022 – A Assembleia Geral da Federação Mundial de Estudantes Cristãos (WSCF) começa hoje. É o órgão de decisão mais representativo e máximo do corpo ecumênico global que reúne os movimentos estudantis nacionais autônomos, conhecido na Itália como o "movimento estudantil cristão". A Federação inclui estudantes masculinos e femininos ortodoxos, protestantes, católicos, pentecostais e anglicanos. A Assembleia será realizada na Alemanha, em Berlim, de 23 de junho a 1º de julho. O título desta 37ª edição é "Alegrai-vos na Esperança" (Romanos 12:12). Subtítulo: "Jovens, caminhando juntos rumo à justiça e à paz". Da Itália, estarão presentes Annapaola CarbonatoSecretário da Federação da Juventude Evangélica na Itália (FGEI), e o pároco Pedro Ciacciocomo um "amigo sênior". Do aeroporto onde está prestes a chegar a Berlim, Carbonatto faz este breve comunicado: “É com muita emoção que me preparo para partir para Berlim, até porque há dois anos que esperávamos por este momento. A Assembleia foi adiada por dois anos e no ano passado foi realizada de forma restrita online. É certamente um momento muito emocionante. Teremos a oportunidade de ver uma nova face do movimento”. O Conselho solicitou a Carbonatto que representasse o FGEI na 37ª Assembleia Geral da WSCF. “A ideia de poder nos comparar com outras pessoas que vivem do outro lado do mundo, com quem compartilhamos desafios e esperanças futuras – continua a secretária Annapaola Carbonatto – é muito bonita e estimulante. Também estou muito feliz por poder partir e poder trabalhar neste tema, que me parece oportuno neste momento. Com esta ideia de caminhar e trabalhar juntos para um mundo de justiça e paz, de nos alegrarmos juntos na esperança do Senhor, me deixa confiante e tenho certeza de que esta Assembleia trará novos frutos e novos estímulos também para os evangélicos Federação da Juventude na Itália ”. O pastor Peter Ciaccio escreveu nas redes sociais: “23 anos depois de Beirute 1999, retornarei à Assembléia Geral da WSCF. Muito do que sou agora, devo ao WSCF, até mesmo à teologia pop (para começar).” O versículo bíblico que inspira a Assembleia, escreve a FSM, “nos lembra que a unidade em Cristo Jesus é a nossa esperança em tempos de desafio e dificuldade. Somos chamados a ser unidos na construção do Reino. Somos chamados a profetizar e anunciar a esperança na vinda do Reino. Como uma federação de jovens, a WSCF oferece uma mensagem de esperança no contexto do mundo sofrido de hoje. Uma esperança que se baseia no nosso trabalho pela justiça, igualdade e paz. Esperança informada por nossa compreensão da injustiça social, as causas profundas da pobreza, fragmentação, desunião, violência e guerra. Finalmente, uma esperança que realmente depende de ações que resistem ao Império, que falam a verdade ao poder e o tornam responsável perante o povo e a mãe Terra." A Assembléia Geral também será uma ocasião para celebrar 127 anos de “vida comum e testemunho diversificado e missão para a comunidade mundial” continua a WSCF. Na carta de anúncio da Assembléia, o Secretário Geral da WSCF Marcelo Leites escreve: “Vamos orar juntos por toda a criação neste tempo agitado em um mundo que está sofrendo […]. Este ano, sua 37ª sessão reunirá mais de 100 movimentos de 94 países, amigos seniores, parceiros e convidados”. hashtag #WSCFGA22 #RejoiceInHope ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.