Ir além da ‘normalidade’ pré-cobiçosa doentia

Ir além da ‘normalidade’ pré-cobiçosa doentia

Luca Maria Negro

Roma (NEV), 3 de outubro de 2020 – Entrevista com o presidente da Federação das Igrejas Protestantes da Itália (FCEI), pároco Luca Maria Negro. Assinado por James Galeazzia entrevista vai do sentido da fé à questão da espiritualidade que surgiu durante o confinamento, mas também fala sobre o futuro, as propostas e a necessidade de trabalharmos juntos pelo bem comum.

Luca Maria Negro fala da necessidade de “voltar-se para a Palavra de Deus para ser desafiado a mudar”. Precisamos, portanto, “não de uma fé consoladora. Mas uma fé que é questionada. Que se pergunta porquê, que visa transformar a realidade. Um pouco na linha do ensaio de Paul Jordan ‘Em contágio’. Um livro que, apesar de ter um tom substancialmente ‘secular’, termina com uma citação bíblica: ‘Ensina-nos a contar os nossos dias e adquiriremos um coração sábio’ (Salmo 90)”.

Ensina-nos a contá-los para quê? O pároco responde: “Para aproveitar melhor o nosso tempo. Pensar o que a normalidade nos impede de pensar: como chegamos aqui, como gostaríamos de continuar. O verdadeiro medo de Giordano, como lemos na capa, é que o medo passe em vão, sem deixar uma mudança”.

Na entrevista, Negro também cita dois documentos importantes, exemplos de colaboração ecumênica na época da covid. A ‘Mensagem Ecumênica de Páscoa’, intitulada ‘Não tenha medo’, assinada em 8 de abril de 2020 pelo bispo responsável pelo ecumenismo, Monsenhor Ambrogio Spreaficodo Arcebispo Ortodoxo Grego Ghennadios e pelo próprio Negro em nome da FCEI. E o documento ecumênico redigido por um grupo de crentes católicos e protestantes de Milão intitulado ‘Estar enraizado no novo. Um documento ecumênico para o período pós-Covid.

Em conclusão, diz Luca Maria Negro, a pandemia mostrou-nos “os aspectos claramente patológicos do nosso estilo de vida pessoal e colectivo”, numa crise que corre o risco de ser irreversível e apela a um compromisso imediato e comum das Igrejas, dos cidadãos e das instituições , segundo o presidente da FCEI, nestas áreas: velha e nova pobreza; refugiados, migrantes e cidadania; assistência médica; crise ambiental; cuidado e salvaguarda da criação; Europa.

É necessário “agir e colocar os nossos dons a serviço do bem comum. Fazendo a nossa parte. Evitando sufocar prematuramente o desejo de renascer devido ao chamado insidioso de voltar à doentia ‘normalidade’ de antes”…


Leia a entrevista completa de Giacomo Galeazzi em Interris.it

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

Dia Mundial de Oração.  O material dedicado a meninos e meninas

Dia Mundial de Oração. O material dedicado a meninos e meninas

Imagem retirada dos materiais do Dia Mundial de Oração (GMP) 2023 Roma (NEV), 2 de fevereiro de 2023 – A primeira sexta-feira de março de cada ano é o Dia Mundial de Oração (PMM), a iniciativa ecumênica internacional de mulheres cristãs celebrada em mais de 170 países há mais de um século. Este ano a iniciativa decorre na sexta-feira 3 de março e no fim de semana seguinte. O material litúrgico, preparado para esta edição pelo Comitê WDP de Taiwan, foi traduzido pelo Comitê GMP italiano. Uma parte do material proposto também é dedicada a meninos e meninas, meninos e meninas, e é inspirada no versículo “Tenho ouvido falar da tua fé” (Efésios 1:15). Como no ano passado, o Serviço de Educação e Educação (SIE) da Federação das Igrejas Evangélicas da Itália (FCEI) propõe uma adaptação e seleção do material para nossas escolas dominicais, usando o cenário didático e gráfico da revista "The school Sunday" . Quem estiver interessado em receber o restante dos materiais litúrgicos pode entrar em contato com o comitê do GMP Italia no endereço de e-mail [email protected]. AQUI Materiais da escola dominical. ...

Ler artigo
Cardeal Zuppi, Garrone: “Um companheiro de estrada”

Cardeal Zuppi, Garrone: “Um companheiro de estrada”

Cardeal Matteo Maria Zuppi, Arcebispo de Bolonha, Presidente da Conferência Episcopal Italiana, do site chiesacattolica.it Roma (NEV), 26 de maio de 2022 – Daniele Garronepresidente da Federação das Igrejas Evangélicas da Itália, enviou ao cardeal Mateus Maria Zuppinomeado presidente da Conferência Episcopal Italiana, uma carta de votos para o novo cargo. “Queira receber nossas saudações fraternas pelo importante e certamente nada fácil serviço à sua Igreja à qual você foi chamado – lê-se na carta -. Muitas foram as ocasiões em que representantes das nossas Igrejas, a vários níveis, já a puderam encontrar, encontrando nela não só uma interlocutora solícita, mas uma companheira de caminhada no caminho da comum vocação cristã; também por isso sua nomeação nos alegrou. Estamos confiantes de que, sob a sua presidência, o caminho ecumênico realizado nos últimos anos, também em termos de acolhida aos migrantes, salvaguarda da criação e da liberdade religiosa na Itália e no mundo, poderá continuar e se desenvolver. Por favor, considere a Federação disponível para estudar juntos a possibilidade de novos caminhos para nos ajudar a desenvolver nossa comunhão ecumênica”. Finalmente, uma referência à Bíblia. “Nós vos saudamos – conclui Garrone – com o texto do Antigo Testamento (Sl 92, 14ss.) que o lecionário “Um dia uma Palavra” indica para hoje, a Ascensão de nosso Senhor Jesus Cristo: [Quelli che sono] plantados na casa do Senhor, florescerão nos átrios do nosso Deus. Na velhice ainda darão frutos,serão verdes e viçosos, para anunciar quão justo é o Senhor..." ...

Ler artigo
Academia Europeia de Religiões.  edição digital 2020

Academia Europeia de Religiões. edição digital 2020

Concebido pela Fundação para as Ciências da Religião e lançado - graças ao apoio do MIUR, MAECI, Região Emilia-Romagna, Cariplo Foundation e Carisbo Foundation - com o patrocínio do Parlamento Europeu, da Comissão Europeia, da Comissão Nacional da UNESCO, a Universidade e o Município de Bolonha, o Academia Europeia de Religiões é uma ocasião internacional extraordinária para o encontro de estudiosos e hermenêuticos do fenômeno religioso. Consciente da centralidade desta reflexão, é ambição da EuARe fomentar a investigação, a leitura crítica, a comunicação e o intercâmbio - aberto à sociedade civil - sobre os principais temas religiosos, nomeadamente no contexto da transformação epocal que a humanidade atravessa. De 22 a 25 de junho de 2020, os vídeos de quatro das palestras programadas para a conferência estarão disponíveis no site EuARe, redes sociais e canal do YouTube (bem como nas redes sociais FSCIRE), cuja intenção é «destacar o poderoso efeito que a religião tem na vida pública e pessoal, um efeito que se refere a todos os seus campos", como afirmou o Presidente da EuARe Herman Selderhuisconferencista e teólogo de renome internacional. Politização da Religião: Casos Cristãos Orientais é o título da contribuição de Cyril Hovorun, diretor do Huffington Ecumenical Institute e professor da Loyola Marymount University, especialista em teologia, tradições cristãs primitivas e eclesiologia. Movendo-se com competência entre os debates da "teologia política" do século IV e do século XX, Hovorun refletirá sobre as relações Igreja-Estado nas realidades ortodoxas orientais e sobre como essas relações contribuem para a politização da religião. A lectio de Cyril Hovorun estará disponível em 22 de junho. Scott Applebyreitor da Universidade de Notre Dame e especialista em relações globais entre fenômenos religiosos e guerra, fará uma palestra intitulada Santificado seja o teu nome: poder e glória na imaginação religiosa, on-line em 23 de junho. Com base em estudos de casos empíricos, seu discurso questionará o significado das noções de "poder" e "glória" no imaginário religioso em momentos cruciais da evolução comunitária e da consciência nacional, como os representados por um conflito armado. Estudioso de conflitos pós-seculares e professor de sociologia na Universidade de Innsbruck, Kristina Stoecklapresentará um discurso intitulado Os novos conflitos religiosos da Europa: ortodoxia russa, conservadores cristãos americanos e o surgimento de uma direita cristã populista europeia, on-line em 24 de junho. Sua lição altamente atual comparará fenômenos emergentes em diferentes regiões do mundo - a Igreja Russa, a direita cristã nos Estados Unidos e os partidos populistas na Europa - destacando como, ao se mobilizar contra os valores liberais, esses atores sociais paradoxalmente adotam uma retórica religiosa, desafiando o próprio significado do cristianismo. Finalmente, em 25 de junho, a contribuição de Susanne Schröter, diretor do Global Islam Research Center em Frankfurt e professor de antropologia social e cultural na Goethe University na mesma cidade. Em sua palestra, Islã, Política e Sociedade na Alemanharefletirá sobre a história do debate sobre o Islã na Alemanha e abordará as ambivalentes políticas alemãs relacionadas à questão islâmica, a fim de propor soluções alternativas. Nos mesmos dias (22-25 de junho) serão publicadas online as apresentações em vídeo das obras vencedoras do Prêmio Giuseppe Alberigo e serão premiados os vencedores do Prêmio de Jornalismo Religioso Piazza Grande (22 de junho). Prémio Alberigo: no canal YouTube da Fundação será possível conhecer as obras vencedoras do prestigiado prémio 2020, atribuído a obras que alcançaram a excelência nas diversas disciplinas das ciências religiosas. O Prêmio de Jornalismo Religioso Piazza Grande é organizado pela Associação Internacional de Jornalistas Religiosos em colaboração e com o apoio do FSCIRE para destacar o trabalho de jornalistas que lidam com religião e espiritualidade. A Foundation for Religious Sciences (FSCIRE) é um instituto de pesquisa com sede em Bolonha, presidido por Alessandro Pajno e dirigido por Alberto Melloni. O instituto publica, desenvolve, fornece, organiza, aprofunda e divulga pesquisas no campo das ciências religiosas, estudando em particular o cristianismo e sua relação com outros monoteísmos. Reconhecida por decreto do Presidente da República, a Fundação mantém convênios com a Universidade de Bolonha e outras universidades e atua, ainda que em sinergia com outros institutos de pesquisa, em plena autonomia em relação a universidades e igrejas. ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.