Luteranos.  Reitor Carsten Gerdes no Sínodo Valdense: o arco-íris de Deus

Luteranos. Reitor Carsten Gerdes no Sínodo Valdense: o arco-íris de Deus

O Reitor do CELI, Pastor Carsten Gerdes falou hoje durante os trabalhos do Sínodo Valdense: somos, como protestantes e recordando os cinquenta anos do Acordo de Leunberg, o arco-íris de Deus.

O reitor do CELI, acompanhado de sua esposa, Magdalena Tiebel-Gerdes, pároca da Comunidade de Ispra-Varese, trouxe as saudações do CELI, ou melhor, das quinze comunidades luteranas da Itália.

Carsten Gerdes recordou as dificuldades que as Igrejas também enfrentaram durante a pandemia. “Nem tudo correu bem – disse Gerdes – perdemos amigos, comunidades, entes queridos, empregos, etc…”

Mas talvez, continuou o Reitor, como Igrejas estejamos conscientes de que muita coisa na nossa vida quotidiana precisa de ser mudada.

Ser Igrejas pequenas, sublinhou, não nos isenta de rejeitar o apelo ao compromisso com a criação e as alterações climáticas.

Recordando o 50º aniversário do Acordo de Leunberg, o Reitor do CELI quis recordar o arco-íris como símbolo do mundo protestante.

“Somos um arco-íris que é acima de tudo uma ponte colorida, sempre semelhante mas sempre diferente, que liga as pessoas umas às outras. Um símbolo que nos fala não só das diversidades que convivem e juntas revivem a sociedade, mas do quanto a multiplicidade de cores, sensibilidades e diversidades deve ser defendida por quem a quer reduzir a uma única cor. Por aqueles que querem transformar as nossas sociedades e as nossas comunidades, a Europa, numa fortaleza «monocromática»”.

Leia no site do CELI

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

“Trabalho, 30 anos de mudanças”

“Trabalho, 30 anos de mudanças”

Roma (NEV), 14 de fevereiro de 2020 – A XXX edição do "Reunião de Mirly" por título "A obra: 30 anos de mudanças”. Inaugurado em 1990, este encontro visa reunir representantes protestantes, mas também católicos, cristãos francófonos da França, Suíça e Itália, para discutir, aprofundar e discutir a questão do trabalho. “Mirly é um acrônimo para 'Mission dans l'industrie de la Région Lyonnaise' (Missão na Indústria da Região de Lyon) – explica Francesca Evangelistado Departamento de Assuntos Públicos e Liberdade Religiosa da União das Igrejas Adventistas do Sétimo Dia (UICCA). Evangelisti participou da reunião em nome da Globalization Environment Commission (GLAM) da Federação das Igrejas Protestantes da Itália (FCEI), da qual a UICCA é membro observador. Mirly nasceu em 1984 no distrito de Duchère em Lyon, por vontade das Igrejas Reformada e Luterana locais, na Mission Populaire (Missão Popular, instituição protestante francesa de ensino e ajuda popular). “Há 25 anos, Mirly oferece cursos de formação para aprendizes de carpinteiro, com o objetivo de conter o grande desemprego que pesava na França nos anos 80 – continua Francesca Evangelisti -. Desde 2016, devido à crescente falta de fundos, o curso foi confiado à missão diocesana. Em 1987, Mirly abriu um balcão para a luta contra o desemprego e a procura de trabalho no 5º arrondissement de Lyon, que ainda hoje está ativo”. Foto Francesca Evangelisti Os dois dias de reuniões contaram com a participação de quase uma centena de delegados e numerosos especialistas, incluindo “Patrick Louisprofessor de Economia de Gestão na Universidade de Lyon; Michael Weillsócio-economista do trabalho, ex-Diretor-Geral Adjunto da Agência Nacional para a Melhoria das Condições de Trabalho (ANACT – Agence nationale pour l'amélioration des conditions de travail); Thierry Rochefort, professor de Socioeconomia do Trabalho na Universidade de Lyon, consultor de emprego para empresas – relatou Evangelisti, ilustrando também os testemunhos de pessoas que enfrentaram grandes mudanças ou dificuldades do ponto de vista do trabalho -. Também ouvimos testemunhos e reflexões teológicas de pastores protestantes Pierre-Olivier Dolinopároco na Missão Popular de Marselha, e de Helene Barbarinque depois de ter trabalhado durante 20 anos como engenheiro e de ter sentido a vocação, é agora pastor aprendiz na igreja de Ouillins". Francesca Evangelisti, em um relatório, resumiu o que emergiu durante a assembléia: "O tema do trabalho é mais atual do que nunca: não basta tê-lo, é preciso também realizar nele as próprias aspirações, aprender o trabalho em equipe, emancipar-se e encontrar o equilíbrio certo com a vida privada. O trabalho pode ser uma fonte de forte desconforto, por isso não deve ser subestimado e é importante fazer todos os possíveis para que seja o justo compromisso entre as aspirações e as reais competências pessoais - concluiu -. Na Bíblia, Deus exorta o homem a trabalhar e a comer o pão com o suor do seu rosto (Gênesis 3:19). Não ter emprego é muito negativo e completamente denegrido; da mesma forma, a psicologia contemporânea destaca como não ter trabalho é frustrante e leva à depressão, precisamos nos sentir úteis, nos sentirmos parte ativa da sociedade em que vivemos". O evento de dois dias aconteceu no Centro Protestante de Oullins, nos subúrbios ao sul de Lyon. ...

Ler artigo
CellPOD.  Está online o primeiro episódio do novo podcast luterano

CellPOD. Está online o primeiro episódio do novo podcast luterano

Photo ConvertKit/Keith Pitts - Unsplash Roma (NEV), 9 de setembro de 2022 – Uma nova iniciativa da Igreja Evangélica Luterana na Itália (CELI) começou nos últimos dias: CeliPOD. Uma série de podcasts criados pelo novo gerente de comunicação do CELI, Gianluca Fiuscosobre temas culturais, sociais e teológicos. O primeiro encontro, já online na plataforma Spotify, é sobre o "Septembertestament", o testamento de setembro de 2022, criado por Martinho Lutero e publicado em 21 de setembro de 1522. Quinhentos anos depois daquele acontecimento que mudou a forma de ler e compreender as Sagradas Escrituras, o CELI quer oferecer a um público alargado e num formato novo e de fácil utilização, uma visão sobre acontecimentos, pessoas e factos que influenciaram a história europeia. O podcast será mensal no momento. explica Fiusco: “Lutero foi certamente o promotor de um fermento cultural e teológico fundamental para que a Reforma assumisse as características que conhecemos. No entanto, foi a invenção tecnológica da impressão, que Lucas Cranach o Velho, pintor e gravador entre os principais intérpretes da Reforma na arte, combinou as 21 xilogravuras de página inteira ilustrando o Testamento de setembro, todas baseadas no Apocalipse de João, para fazer do Testamento de setembro um verdadeiro best-seller para aqueles tempos". Aqui o primeiro episódio do podcast CeliPOD. ...

Ler artigo
A Assembléia-Sínodo Batista, Metodista e Valdense em Torre Pellice começa hoje

A Assembléia-Sínodo Batista, Metodista e Valdense em Torre Pellice começa hoje

Torre Pellice (Turim), 21 de agosto de 2022 – O Sínodo das igrejas valdenses e metodistas em Torre Pellice (Turim) foi oficialmente aberto hoje, domingo, 21 de agosto, com o culto presidido pelos pastores Daniele Bouchard e Lino Gabbiano. sessão conjunta com o Extraordinário Assembléia da União Cristã Evangélica Batista na Itália (UCEBI). “Somos chamados e chamados a esperar contra a esperança […] Não queremos, não podemos estar satisfeitos com as tragédias que vivemos. Sem subestimar de forma alguma a sua gravidade, nem os descartar como se não nos dissessem respeito, devemos reagir, devemos enfrentá-los, não nos é permitido ceder ao desespero […] Olhar para frente com otimismo não é ingenuidade, é fé conjugada com o futuro”, assim uma passagem do sermão de adoração (aqui o texto completo proferido esta manhã). Além disso, ao final do culto de hoje, Sara Heinrich foi ordenada pastora. Pastora Sara Heinrich, consagrada no domingo 21 de agosto de 2022 Cerca de 200 delegados e convidados de toda a Itália chegaram à Torre Pellice, na província de Turim. Esta é a quinta sessão conjunta das igrejas batista, metodista e valdense; a última aconteceu há 15 anos, em 2007. Além dos trabalhos, estão previstas diversas iniciativas, entre as quais a noite pública marcada para amanhã, segunda-feira, 22 de agosto, intitulada “Paz e pacifismo no diálogo”. A sessão conjunta será encerrada em 23 de agosto, enquanto os trabalhos sinodais continuarão até 26 de agosto. Muitas saudações ecumênicas e internacionais chegaram ao Sínodo. Em particular, o Conselho Executivo da Conferência das Igrejas suíças, o Exército de Salvação, o bispo de Pinerolo e o presidente da Comissão de Ecumenismo e Diálogo da CEI, Derio Olivero, enviaram sua mensagem e votos de felicidades para o Sínodo. Chegou também uma mensagem do Papa Francisco: “Espero que o olhar de Jesus possa iluminar cada vez mais as nossas relações, facilitando caminhadas intensas e fraternas. Somos seus discípulos que ele, bom pastor, deseja ver plenamente unidos. Perante o mundo, hoje marcado por divisões, marcado por guerras, onde a indiferença e o egoísmo parecem prevalecer, cabe-nos testemunhar a beleza e a fecundidade do acolhimento, da partilha e do amor. Aqui o programa completo da semana. Mais informações também em: www.rbe.it – www.riforma.it ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.