Dossiê Estatístico de Imigração 2022, apresentação amanhã

Dossiê Estatístico de Imigração 2022, apresentação amanhã

Roma (NEV), 26 de outubro de 2022 – Está de volta o encontro com a apresentação do Dossiê Estatístico de Imigração 2022. O evento será realizado no dia 27 de outubro, às 10h30, no Nuovo Teatro Orione, em Roma, e será aberto com a introdução do moderador da Mesa Valdense, Alessandra Trotta, cuja fala será seguida da projeção de um vídeo. O conteúdo do Dossiê será então ilustrado por Luca Di Sciullopresidente do Centro de Estudos e Pesquisas IDOS.

AQUI o programa do dia e o debate, coordenarão os trabalhos Cláudio Paravati.

No mesmo dia, o dossiê será apresentado em toda a Itália. No encontro agendado em Aosta, a partir das 17h30, participarão da conexão Giovanni D’Ambrosio e Laura Guanidois operadores do Mediterranean Hope, um programa de refugiados e migrantes da Federação de Igrejas Evangélicas na Itália, de Lampedusa.

Aqui o cartaz do encontro na capital do Valle D’Aosta.

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

o encontro de pessoas LGBTQIA+ na Assembleia do KEK

o encontro de pessoas LGBTQIA+ na Assembleia do KEK

O KultuuriKatel, a sede da Assembléia CEC em Tallinn / CEC photo site Roma (NEV), 5 de julho de 2023 – “Meus pronomes são eles/eles” é uma frase intraduzível em italiano: basicamente, significa que a pessoa que a pronuncia não quer ser dirigida nem ao masculino nem ao feminino. Uma maneira de traduzi-lo em nosso idioma é o uso do schwa (ə, ɜ) que, de fato, usei neste artigo. Porém, nunca tinha ouvido essa frase ao vivo, e nunca esperei ouvi-la durante oAssembleia Geral da Conferência das Igrejas Européias (KEK) que aconteceu em Tallinn (Estônia) de 14 a 20 de junho, durante um workshop vespertino no qual falamos sobre nossas igrejas, os desafios que elas enfrentam na sociedade e como ser crentes hoje. Mas então, por que eu não deveria ter esperado isso? Talvez eu não saiba que as pessoas LGBTQIA+ existem em todos os contextos e, portanto, podem ser facilmente encontradas em uma Assembleia Ecumênica? De facto, o encontro não tardou: entre um workshop, um debate, um jantar, um momento de oração e um passeio por Tallinn, a certa altura apareceu um letreiro feito à mão, com um arco-íris desenhado, que convidou os presentes a participarem de uma noite indiscutivelmente temática queer. Gostaria de lembrar o que foi escrito, gostaria de ter fotografado; infelizmente, algumas horas depois, o sinal desapareceu. O logotipo do Fórum Europeu de Grupos Cristãos LGBTQIA+ Alguém diz que é porque não era uma reunião oficial, outra pessoa porque a reunião teria acontecido no local usado como capela, onde de manhã e à noite nos reuníamos em oração. Cartel ou não cartel, a reunião, porém, transcorreu igual: não constava do programa oficial, semi-clandestino se quiserem, ao qual nos referimos então no dia seguinte chamando-o simplesmente "a reunião”, com uma piscadela final. O reunião foi em uma noite de domingo. Na manhã daquele mesmo dia, descobri que a Igreja Metodista da Estônia se retirou da Igreja Metodista Unida (UMC), a partir de 1º de julho de 2023, por “motivos de consciência e ética”. Agora, neste caso específico, como no caso de outras igrejas metodistas ao redor do mundo, esta frase significa que a única ideia que a Conferência Geral da UMC em 2024 pode considerar eliminar a afirmação de que "a prática da homossexualidade é incompatível com a vida cristã”, constitui motivo de ruptura entre as igrejas filiadas a esta denominação no mundo. Assim, a UMC ainda não "descriminalizou" oficialmente a homossexualidade, e já a Igreja Metodista da Estônia, assim como outras, decidiram abandoná-la. Apesar disso, há aspectos positivos, e não são poucos. Por exemplo, é claro que as pessoas LGBTQIA+ estão presentes em todos os níveis em todas as denominações cristãs e, portanto, também na Assembleia da CEC. Além disso, há grandes mudanças em curso que ocorrerão ao longo deste século e estamos apenas começando a ver: dentro do Exército de Salvação na Grã-Bretanha, por exemplo, um movimento de acolhimento e aceitação de identidades LGBTQIA+ foi ativado e há uma Fórum Cristão LGBTQIA+ que organiza encontros e eventos. Um distintivo de mordomo com a bandeira do arco-íris Para mim, o ponto alto foi ver tantos dos comissários muito jovens na convenção terem uma bandeirinha de arco-íris em seus crachás, e ver amizades e laços florescerem entre aqueles que tinham e aqueles que não tinham. Espero ver grandes coisas desta geração, que pratica o ecumenismo também nesta frente, de forma direta e sem tirar nada de sua fé e de seu compromisso com as igrejas. Nós do "encontro" criamos um pequeno grupo de Whatsapp para nos manter atualizados sobre o andamento das coisas, e espero muito que na próxima Assembléia do KEK o encontro seja oficialmente anunciado e esteja acessível e visível a todos aqueles que queiram trabalhar no sentido de um inclusivo e não repelente. ...

Ler artigo
Rádio GLAM, compromisso dia 29 de janeiro

Rádio GLAM, compromisso dia 29 de janeiro

Roma (NEV), 24 de janeiro de 2023 – Está no ar o terceiro episódio da Rádio GLAM, uma iniciativa da Comissão de Globalização e Meio Ambiente (GLAM) da Federação das Igrejas Protestantes da Itália (FCEI). Encontro domingo, 29 de janeiro de 2023, de 18 a 19. Desta vez, o tema é: "Urgência climática: conscientização nas igrejas e ações concretas". Caixas de som: Igreja Evangélica Metodista de Novara, com seus membros e pároco Andreas Koehn. Ilaria CastaldoTenente Auxiliar do Exército de Salvação (EdS) que serve em Ischia. Para marcar participação escreva para:[email protected] Para comunicações urgentes ligue: 335/7263374 A Rádio GLAM foi criada para coletar "Testemunhos e/ou informações de comunidades ecológicas, mas também de crentes individuais, ativistas, apoiadores da sociedade civil interessados ​​em questões relacionadas à espiritualidade e à proteção da criação que a GlAM apóia. Notícias, projetos e programas nacionais e internacionais…” Quem ouve Rádio GLAM? Todos aqueles que têm interesse em fazer parte desta comunidade, que se questiona e se une numa eco-comunidade ou que olha com curiosidade para conhecer, propor, participar até com um contributo criativo, música, leitura, partilha de materiais . Por que o nome Radio GLAM? Porque usa a linguagem direta e imediata do rádio, uma linguagem simples na qual jovens e adultos podem se reconhecer e se expressar. Quando Rádio GLAM? Todos os meses, um encontro de uma hora durante o qual haverá testemunhos e/ou informações de eco comunidades, mas também de crentes individuais, ativistas, apoiadores da sociedade civil interessados ​​em questões relacionadas à espiritualidade e proteção da criação que o GlAM apóia. Notícias, projetos e programas nacionais e internacionais… Como assinar a Rádio GLAM? Envie um e-mail para o seguinte endereço de e-mail [email protected] ou entre em contato com os representantes da comunidade ecológica. Até breve nessas frequências! ...

Ler artigo
Faculdade Valdense.  Abertura do ano letivo 2020/21

Faculdade Valdense. Abertura do ano letivo 2020/21

Roma (NEV), 29 de setembro de 2020 – A abertura do ano acadêmico 2020/21 da Faculdade Valdense de Teologia (FVT) será oficialmente realizada no sábado, 3 de outubro, a partir das 17h30, com uma prolusão de Fulvio Ferrario, reitor da Faculdade, sobre “A cátedra e o púlpito. Serviço Teológico na Igreja Evangélica”. O culto de abertura editado por Yann Redalié será realizada na igreja valdense na Piazza Cavour, domingo, 4 de outubro, às 10h45, também em transmissão ao vivo no Durante a Semana Introdutória, a partir de segunda-feira, dia 5 de outubro, estão programadas várias atividades: apresentação do programa, introdução à Biblioteca, boas-vindas aos alunos internacionais. Estarão presentes como oradores David Romanosobre “Fazendo Teologia na Faculdade Adventista Villa Aurora”; José Loriziosobre "Fazer teologia na Pontifícia Universidade Lateranense"; Gury Schneider-Ludorff E Markus Mülke sobre “Fazendo teologia na Augustana Hochschule em Neuendettelsau”. Sexta-feira, 9 de outubro, às 17h30, apresentação do livro "Relendo a Reforma" de Fulvio Ferrario e Lothar Vogelpreside Domenico Segnaeles intervêm Cettina Militello (Marianum) e Paulo rico (FVT). Baixe o Pôster da Semana Introdutória Por motivos de organização, favor confirmar sua participação no local enviando um e-mail para a Secretaria da FVT ([email protected]). A participação no atendimento é limitada a 80 pessoas (para o discurso de abertura e adoração) e 12 pessoas (para os eventos da semana introdutória) respectivamente. Prolusão e adoração podem ser acompanhadas na página do Facebook da igreja valdense na Piazza Cavour ou enquanto os eventos da semana podem ser acompanhados via Zoom no modo telemático registrando-se por e-mail no seguinte endereço [email protected] Na oferta formativa da Faculdade, também dois cursos ministrados por Daniele Garrone E Fulvio Ferrarioaberto a todos, segundo o método "All you can learn": ao inscrever-se como "auditor" durante um ano lectivo completo, tem acesso a todos os cursos indicados no catálogo e programa da FVT. Consulte Mais informação: Daniel Garrone. Um Deus, o seu nome e as suas denominações – 13 de outubro de 2020 a 26 de janeiro de 2021, 18h00-19h30 Fúlvio Ferrario. Proclamando o Evangelho na Europa secular. Uma proposta protestante – 14 de outubro de 2020/20 de janeiro de 2021, 18h00-19h30 A Faculdade Valdense de Teologia é o instituto mais antigo da Itália para o estudo universitário de teologia evangélica. Foi fundada em 1855 na Torre Pellice (TO), e depois mudou-se para Florença para o Palazzo Salviati de 1860 a 1921, e para Roma, na via Pietro Cossa, ao lado da igreja valdense na Piazza Cavour. A Faculdade representa um ponto de encontro e diálogo, dada a participação de muitos estudantes estrangeiros e em virtude de uma acentuada sensibilidade ecuménica. ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.