Otto per mille valdense e metodista, projetos para 2020 aprovados

Otto per mille valdense e metodista, projetos para 2020 aprovados

Torre Pellice (TO), 8 de setembro de 2020A Tavola Valdese – o mais alto órgão executivo das igrejas metodista e valdense – apesar da impossibilidade de convocar o Sínodo este ano devido à emergência sanitária, publicou hoje a lista de projetos financiados com Fundos Otto Per Mille 2020.

Os recursos alocados este ano paraUnião das Igrejas Metodistas e Valdenses quantidade de aprox 42,8 milhões, referem-se à declaração de rendimentos de 2017 (e, por conseguinte, às declarações de rendimentos de 2016) e correspondem a 547.519 assinaturas (3,2% do total das escolhas expressas pelos contribuintes).

Os recursos serão usados ​​para financiar 452 projetos no exterior E 791 projetos na Itália nas áreas educacional, humanitária, sócio-médica e cultural, num total de 1243 projetos.

Como todos os anos, o escritório Otto per Mille da União das Igrejas Metodista e Valdense recebeu muitas perguntas: de facto, foram recebidos 4671 pedidos (dos quais, no entanto, apenas 3000 passaram pela fase formal preliminar), com um crescimento de +500 em relação ao ano anterior e +1000 em comparação com dois anos atrás.

Olhando para a Itália, o maior número de projetos apoiados enquadra-se na categoria “Melhoria das condições de vida das pessoas com deficiência física e mental”, que ascende a 23,2% do total dos projetos financiados. Entre eles, muitos dizem respeito ao tema do “depois de nós”, que se faz sentir particularmente hoje; segue-se a categoria de “Promoção do bem-estar e crescimento de crianças e jovens”, com 15,6% do total; em seguida “Atividades culturais”, com 14,9%; “Intervenções de cuidados e protecção da saúde”, com 10%; e “Acolhimento e inclusão de refugiados e migrantes”, com 8,9% do total. Embora os números ainda sejam baixos, o número de projetos ambientais dobrou de 1,4% para 3,4%.

No exterior, a maioria dos projetos aprovados concentra-se na África e no Oriente Médio.

Além disso, conforme anunciado durante o ano, a Tavola Valdese estabeleceu um “Fundo de emergência Covid-19″ de 8 milhões de euros, que encontra a sua cobertura ao longo de três anos (2,7 milhões em 2019 e 2020 e 2,6 milhões em 2021).

“O terceiro setor está cada vez mais nos procurando para apoiar o seu trabalho e nós estamos bem cientes disso – declarou Alessandra Trotta, moderador do Tavola Valdese –. Por isso, temos trabalhado procurando não focar nossa atenção apenas na emergência sanitária, acreditando que manter – mesmo em um ano tão particular – o mesmo nível de atenção que sempre nos distinguiu em cultura, educação, projetos sociais em sentido amplo é, por si só, uma forma de contribuir com os esforços do país para sair da fase emergencial e promover o desenvolvimento na direção de maior justiça social, proteção dos direitos dos mais vulneráveis, sustentabilidade ambiental e ainda maior participação democrática, de qual a mesma emergência nos fez sentir a urgência”.

Para qualquer informação adicional:

admin

admin

Deixe o seu comentário! Os comentários não serão disponibilizados publicamente

Outros artigos

As vozes das mulheres afegãs

As vozes das mulheres afegãs

Roma (NEV), 6 de dezembro de 2022 – Um dia para dar voz às mulheres afegãs. Dois eventos ao mesmo tempo, hoje, 6 de dezembro, na sede do Parlamento Europeu, em Roma. Pela manhã foi realizada uma conferência de imprensa, com, entre outros Sediqa Mushtaqmembro da antiga Câmara de Comércio Nacional Feminina do Afeganistão, Batool Haidaripsicóloga e escritora (aqui sua entrevista retirada de protestantismo), Nesa Mohammadiobstetra, Razia Ehsani Sadat, jornalista. “Uma história de mulheres que salvam outras mulheres do Afeganistão”, como afirma a apresentação do encontro e como explica a jornalista Maria Grazia Mazzola. “Esta é uma história cristã e também secular – prossegue -. Apresento a vocês a Rede Humanitária que fundei com Vitória Tola E Júlia Potenza da União Feminina da Itália, com Antonella Penati 'Federico nel cuore', com as Recepções dos Salesianos para os Assuntos Sociais, presidente P. Francesco Preitecom o Coop One City não basta M. Rosaria Calderone E Gianni Cauccicom queridos pastores batistas Antonella Scuderi, Ivano De Gasperis E José Miglio com a Federação das Igrejas Evangélicas da Itália. Unidade na diversidade, mãos atadas salvando outros de quem o Talibã tirou tudo. E com o Gruppo Abele de Don Ciotti, que acolheu uma família de 7 afegãos prestes a cair nas mãos dos terroristas”. Aqui está a gravação completa de Rádio Radical da conferência de imprensa. Num outro espaço do edifício que alberga a representação europeia na capital, o Espaço Europeu, decorreu desde a manhã até à tarde o encontro intitulado “A força das mulheres”. O evento contou com a presença, entre outras vozes, Habiba Halimi e Zahra Atayeeduas das ciclistas da seleção feminina afegã de ciclismo que chegaram à Itália em julho passado, graças a um dos corredores humanitários criados pela Federação das Igrejas Evangélicas da Itália. Aqui o vídeo do encontro "La forza delle donne – Women's Strength": [embed]https://www.youtube.com/watch?v=AWVujt0Szb8[/embed] Leia mais: As histórias dos afegãos que chegaram do Paquistão em 24 de novembro ...

Ler artigo
Vídeo da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos

Vídeo da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos

Alguns frames do vídeo realizado por ocasião da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2023 Roma (NEV), 17 de janeiro de 2023 – A unidade no cristianismo passa pela escuta de outras confissões. Essa, em resumo, é a mensagem do vídeo de lançamento da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos (SPUC) que começa amanhã, 18 de janeiro. O texto bíblico que acompanha a Semana, retirado de Isaías 1.17, é “um convite que o próprio Senhor dirige ao seu povo no contexto de uma invectiva muito dura”, diz o pároco no vídeo Daniele Garrone, presidente da Federação das Igrejas Protestantes da Itália (FCEI). “O povo é repreendido por associar adoração com violência e abuso. E Deus diz: 'Não quero sua adoração. Aprenda a fazer o bem, busque a justiça'. Com estas palavras é como se nos dissessem: cada um deve olhar para dentro de si, para os seus pecados, para juntos percorrermos o caminho da conversão», continua Garrone. Derio Olivero, bispo de Pinerolo e presidente da Comissão Episcopal para o ecumenismo e o diálogo, afirma que “continuamos sonhando que vale a pena construir um mundo mais justo. Trabalhando a seriedade na construção de relacionamentos”. Dionísio de Kotyeonbispo auxiliar do metropolita ortodoxo da Itália Polykarpos, fala em vez disso como é importante "aprender a ouvir as diversas tradições cristãs, nesta unidade visível que tanto falta no mundo contemporâneo". A Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2023 terminará no dia 25 de janeiro. Os textos litúrgicos foram preparados pelos irmãos e irmãs das igrejas de Minnesota. O contexto em que foram escritos é o da morte de George Floyd e eles também se concentram na violência sofrida pelos nativos americanos. O vídeo é editado pelo Escritório Nacional de Ecumenismo e Diálogo Inter-religioso, dirigido por Maria Amata Calò e a supervisão da Direção Nacional de Comunicação Social. “O vídeo situa a Semana no caminho sinodal e sublinha a sua atualidade, num momento histórico de grande conflito”, escreveu Agensir. [embed]https://www.youtube.com/watch?v=-X_L44z2Dqw[/embed] Para saber mais: Clique AQUI para ver os compromissos na Itália. Para materiais em italiano clique AQUI. Para outros idiomas, veja abaixo: Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos Recursos para a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2023 ...

Ler artigo
O Sínodo das Igrejas Metodista e Valdense está de volta

O Sínodo das Igrejas Metodista e Valdense está de volta

Torre Pellice, casa valdense Roma (NEV), 25 de maio de 2021 – Após a paralisação do ano passado, o Sínodo das igrejas metodistas e valdenses retorna em 2021. Uma edição particular que acontecerá em modo telemático e reduzido de 22 a 25 de agosto de 2021. Assim foi anunciado, e a notícia é anunciada hoje no site chiesavaldese.org, pelo moderador do Tavola Valdese, Alessandra Trottaem carta às igrejas na qual explica como "ao final de um rigoroso processo de verificação e consulta alargada, decidiu-se privilegiar o método capaz de oferecer maiores garantias e, portanto, também a tranquilidade de todos os participantes, sem distinção de áreas geográficas e outras condições pessoais”. Em Torre Pellice, na província de Turim, local onde normalmente ocorre o Sínodo, apenas a Sede, a Comissão de Exame e, com vários tempos e métodos, os membros do Conselho Valdense e das Comissões Administrativas que respondem no Sínodo de trabalho deles. Uma escolha que envolverá um trabalho organizacional significativo e o desenvolvimento de competências técnicas e organizacionais que permanecerão como uma aquisição útil também para o futuro. Além disso, muito antes do Sínodo, será adquirida experiência no campo quanto à organização das assembléias locais e de circuito e, sobretudo, das conferências distritais que, exceto uma, serão todas realizadas remotamente. "Confiamos na ajuda do Senhor para preservar o que todos consideramos essencial em nosso modo de ser Igreja - escreve o moderador às igrejas - com o olhar voltado para a vocação de anúncio e serviço no tempo presente que o Espírito Santo não cessa de dirigem-se a nós, para empenhar as nossas energias e recursos com alegria, coerência e sentido de responsabilidade”. A sessão sinodal será aberta com o culto inaugural presidido pelo pároco Winfrid Pfannkuche Domingo, 22 de agosto, às 10h, no templo da Torre Pellice, durante o qual pôde ser realizada a consagração de um pároco e de um diácono. A habitual noite pública às segundas-feiras, marcada para 23 de agosto, também será mantida. ...

Ler artigo

Otimizado por Lucas Ferraz.